Camara do Rio Grande
Camara Rio Grande
Camara Rio Grande
TV Câmara - Assista ao vivo
Portal da Transparência
  Onde você está > Home > Sala de Imprensa > Notícias da Câmara

   Notícias da Câmara

Voltar


07 de Setembro de 2019

CÂMARA MUNICIPAL CELEBRA INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

+A-A


A independência do país foi celebrada em sessão solene da Câmara Municipal na tarde de sexta-feira.

Presidida pela vereadora Andréa Westphal (PATRI), a cerimônia foi um momento de reflexão sobre a história e a importância da soberania brasileira.

Um representante de cada bancada partidária que compõe o parlamento municipal teve a oportunidade de fazer o seu pronunciamento. Em nome do partido Cidadania, o vereador Rogério Gomes disse que a data é um momento importante para que se pense sobre o que é ser um país independente, autônomo e livre.

Apesar da crise que assola o Brasil, Rogério disse acreditar que dias melhores virão. Ao refletir sobre o papel dos agentes políticos nesse contexto, defendeu que as diferenças ideológicas não podem se sobrepor aos interesses da nação.

Representando o partido Republicanos, João da Barra enfatizou que a situação atual pela qual passa o país é desastrosa. De acordo com ele, o governo tem se preocupado com superficialidades em vez de se focar no comando do Brasil.

Em seu discurso, também destacou a importância da cidade de Rio Grande no cenário nacional, por sua história, riqueza e posição estratégica. João homenageou, ainda, as forças armadas, responsáveis pela defesa da soberania e das fronteiras do país.

O vereador Luciano Gonçalves falou em nome do PT. Ele fez um apanhado da história do país, desde o seu descobrimento até o momento presente, enfatizando a independência. Salientou que hoje vivemos um período em que a democracia está em xeque.

O parlamentar ressaltou as diversas ameaças atuais, como os ataques à educação. Para ele, estamos vivendo um momento de dependência, em que países desenvolvidos mandam e desmandam no Brasil com a anuência do presidente da república.

Já o vereador Flávio Maciel, que representou o Solidariedade, falou que o 7 de setembro é a data mais importante do país.  Ele reforçou que o Brasil não pode permitir que qualquer outra nação diga o que deve ser feito dentro do território nacional. Em relação a isso, elogiou a atitude do atual presidente que não aceitou a doação dos países estrangeiros para a Amazônia, mas investiu recursos próprios para o combate às queimadas. Maciel também destacou o seu respeito ao trabalho dos militares.

Pelo MDB, Júlio César disse que a data máxima do Brasil necessita ter uma valoração suprapartidária, em que os valores nacionais sejam colocados acima de correntes ideológicas. Para ele, é preciso exaltar os símbolos pátrios que identificam nosso país. Também parabenizou todas as entidades que têm a altivez de manter vivos esses símbolos, pois são resistência a favor do Brasil.

Após o pronunciamento das bancadas, as autoridades presentes se manifestaram.

O representante do comando do 3º Batalhão de Bombeiro Militar, 1º sargento Valtur Lima, defendeu a importância da união entre o povo brasileiro na busca do bem comum. Ao falar da corporação, ressaltou que os bombeiros estão 24 horas por dia dedicados a manter esse bem coletivo e a demonstrar a união do país.

O comandante do 6º GAC, Coronel Rafael Machado Barros, lembrou das riquezas do Brasil, traduzidas em sua biodiversidade, nas águas e nos minérios. Também enfatizou que a fonte de crescimento do país é o povo, a maior dentre todas as riquezas. Mas para que esse crescimento seja realidade, argumentou que é preciso investir em educação e cultura.

Ele destacou a relevância do patriotismo, que não deve ser exclusivo às forças armadas, mas valorizado por toda a população. Sobre a autonomia nacional, afirmou que organismos internacionais e outras nações estrangeiras estão intervindo no Brasil. Para ele, não se pode admitir esse tipo de ameaça à nossa soberania.

Representando o comandante do 5º Distrito Naval, o capitão dos Portos do Rio Grande do Sul Reinaldo dos Santos, enfatizou a necessidade de convergência do país em um rumo seguro. Aproveitou, ainda, para destacar a importância do estado e da cidade de Rio Grande para o Brasil. Ele firmou o compromisso da Marinha com a cidade, o estado e o país, reforçando a parceria com a prefeitura.

A reitora da Universidade Federal do Rio Grande, Cleuza Maria Sobral Dias, pontuou que cada brasileiro deve honrar o ato de independência desempenhando o seu papel como cidadão. De acordo com a gestora, a soberania significa garantia de um país justo para todos, em que cada um tenha a oportunidade de exercer sua cidadania.

O prefeito Alexandre Lindenmeyer afirmou que a independência é conquistada diuturnamente. Ela deve ser renovada quando valorizamos a educação, o acesso à saúde de qualidade e a dignidade do povo.

Ele lembrou que, ao longo da história, o país foi cobiçado e sofreu diversas intervenções externas devido às suas riquezas e magnitude. Segundo o chefe do executivo, os brasileiros devem se sentir desafiados a defender a democracia, as instituições e os poderes constituídos todos os dias. Também disse que a bandeira do Brasil não é para poucos, mas deve representar a todos, um povo que luta pela independência de várias mazelas, como a fome e a falta de emprego.

Por fim, a presidente do legislativo, Andréa Westphal se manifestou em nome do PATRIOTA.  Ela defendeu a necessidade de termos um coração impulsionado a agir, mudar e lutar pelo país. Andréa resgatou a história do dia 7 de setembro, afirmando que ali foram dados os primeiros passos para a independência do país e desejou que o povo brasileiro continue a lutar para se tornar cada vez mais independente.

Assessoria de Imprensa 





WD House

Câmara Municipal do Rio Grande - Rua General Vitorino, 441 - Centro - CEP: 96200-310 -Telefone: (53) 3233 8500