Camara do Rio Grande
Camara Rio Grande
Camara Rio Grande
TV Câmara - Assista ao vivo
Portal da Transparência
  Onde você está > Home > Sala de Imprensa > Notícias da Câmara

   Notícias da Câmara

Voltar


29 de Agosto de 2019

DELEGACIA DA MULHER RECEBE HOMENAGEM DO LEGISLATIVO

+A-A


Marco no enfrentamento à violência de gênero no município, a delegacia especializada no atendimento à mulher (Deam) recebeu voto de louvor pelos seus dez anos de existência. A homenagem da Câmara Municipal foi proposta pelos vereadores Rovam Castro (PT) e professora Denise Marques (PT).

Em seu discurso, Rovam lembrou da luta de policiais civis e do movimento de mulheres que resultou na transformação de um posto de atendimento em uma delegacia em 2009.  Ele enfatizou a necessidade dessa política pública, ressaltando que no ano passado 589 mulheres foram vítimas de violência em Rio Grande.

Para ele, vivemos numa sociedade que promove a cultura do ódio e banaliza a violência de gênero. Como homem, destacou a importância do sexo masculino se envolver nessa luta e a necessidade de criação de uma cultura de consciência para que o menino não ache normal bater em uma mulher.

O vereador disse que os dez anos da delegacia marcam a adoção de políticas públicas específicas para as mulheres e a humanização do atendimento quando as vítimas mais precisam.

A vereadora professora Denise falou sobre o sonho de viver em um mundo onde não fosse necessário existir essa delegacia. Lembrou, também, que por trás dos números das ocorrências, existem mulheres com diferentes histórias de vida que, em muitos casos, são interrompidas.

Ela reforçou a necessidade de discutir esse assunto em todos os espaços. Além disso, afirmou que é preciso preparar as gerações futuras para que tenham respeito e dignidade pelas mulheres.  Também agradeceu aos funcionários da polícia civil que recebem e escutam milhares de mulheres que sofrem.  O ato do voto de louvor é, para ela, uma forma de dar reconhecimento e visibilidade para esse trabalho e para a equipe que batalha todos os dias por um mundo melhor.

A titular da 7ª Delegacia de Polícia Regional do Interior, que também já atuou na Delegacia da Mulher, Lígia Furlanetto, destacou que falar dos dez anos de história da Deam é também falar da sua própria trajetória dentro da corporação. No início da carreira, ao assumir uma delegacia como titular, ela era responsável pelo posto que atendia as mulheres vítimas.

Segundo seu relato, o posto, criado em 2001, tinha uma estrutura pequena, sem atendimento apropriado e sem viaturas. Mas desde lá havia a força dos servidores contra a violência e contra o preconceito. Junto ao movimento de mulheres que lutavam pela delegacia, a equipe se engajou nessa tarefa.

Por isso, Lígia afirma que a criação da delegacia da mulher em 2009 é simbólica. Hoje, para ela, os desafios ainda são grandes. Há uma necessidade de subverter consciências para a promoção da igualdade entre homens e mulheres.

Ao destacar que é a primeira delegada regional, também lembrou que a vereadora Andréa Westphal é a primeira presidente do legislativo. Lígia disse que essas conquistas demonstram que as mulheres estão ocupando espaços que sempre deveriam ter sido seus, mas que antes lhes eram negados.

A atual delegada titular da Deam, Paula Garcia, disse que no pouco tempo de trabalho que está à frente da delegacia tem tentado dar continuidade ao que já vinha sendo desenvolvido ao longo dos anos. Ela destacou o trabalho da equipe, sempre dedicado, e disse se sentir honrada em receber a homenagem.

A vereadora Laurinha (MDB) aproveitou o espaço para dizer que tem como compromisso de mandato auxiliar na construção de redes de apoio para as mulheres vítimas de violência. Em muitos casos, há reincidência na violência ou, até mesmo, o feminicídio acontece porque as mulheres voltam para agressor pela falta de amparo. Laurinha argumentou que as redes de apoio servirão para garantir que o trabalho da equipe da delegacia da mulher não seja em vão.

Além da delegada regional e da delegada titular da Deam, a mesa da solenidade foi composta pelo prefeito e pela primeira-dama, Alexandre e Eunice Lindenmeyer. Os dois também fizeram seus pronunciamentos, parabenizando a polícia civil e enfatizando a necessidade de engajamento na defesa da vida das mulheres.

A vereadora Andréa Westphal, que presidiu a cerimônia, fez questão de ressaltar a valorização que as delegadas deram à equipe de servidores da polícia civil. Para ela, apenas quando se valoriza os que ajudam na construção do trabalho, mesmo sem aparecer, é que se conquista êxito. A presidente desejou que a Deam siga por muitos anos, se assim for preciso, combatendo a violência contra a mulher.

Também esteve presente no ato de concessão de voto de louvor o vereador André Lemes (PT).

Assessoria de Imprensa

 

 





WD House

Câmara Municipal do Rio Grande - Rua General Vitorino, 441 - Centro - CEP: 96200-310 -Telefone: (53) 3233 8500