Camara do Rio Grande
Camara Rio Grande
Camara Rio Grande
TV Câmara - Assista ao vivo
Portal da Transparência
  Onde você está > Home > Sala de Imprensa > Notícias da Câmara

   Notícias da Câmara

Voltar


06 de Maio de 2016

PROMULGADA LEI QUE ESTABELECE IMPLANTAÇÃO DE CÂMERAS NO TRANSPORTE COLETIVO

+A-A


Na tarde desta sexta-feira, 06, mais de uma centena de trabalhadores do transporte coletivo urbano do município tomaram o Plenário da Câmara Municipal do Rio Grande manifestando o desejo de que sejam implantadas câmera de monitoramento nos ônibus.

Os manifestantes foram recebidos pelo presidente, vereador José Antônio da Silva – Repolhinho (PSDB) e vereadores Julio Cesar Pereira da Silva (PMDB), Professora Denise Marques (PT) e Dirnei Mota Grequi – Dirnei Cabeleireiro (PROS).

Os diretores do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo solicitaram que a Lei que determina a implantação das câmeras de monitoramento, de autoria da vereadora Luciane Compiani Branco (PMDB), que foi aprovada pelos vereadores fosse promulgada.

Vale lembrar que a citada Lei foi vetada pelo prefeito Alexandre Lindenmeyer e que o veto havia sido derrubado pelos legisladores municipais. Logo após o referido trâmite legal e procedimental a Lei estava em posse do presidente do Parlamento Municipal que já havia se comprometido com o sindicato da categoria para que fosse promulgada.

Diante do movimento que solicitava providências urgentes, o vereador Repolhinho que aguardava uma agenda com o prefeito, decidiu promulgar a Lei, que após sua publicação, terá um prazo de até 120 (cento e vinte) dias para entrar em vigor.

Com esta decisão comunicada na reunião, os trabalhadores manifestaram descontentamento com o prazo e solicitaram um encontro com o prefeito na próxima segunda-feira, 09, para que o prazo fosse reduzido para 30 (trinta) dias.

O vereador Repolhinho informou que não é preciso esperar escoar o prazo, “o prefeito pode dar eficácia e efetividade a partir da publicação que será realizada amanhã”, explicou. “Sabemos da real situação de insegurança que vocês vivem, não sabem quando saem de casa se retornarão aos familiares. É bom que se diga que a Câmara está cumprindo seu papel de bem representar o povo ao promulgarmos esta Lei” enfatizou Repolhinho.

Ao realizar o ato de assinatura da Lei, o presidente Repolhinho anunciou, durante a reunião, que a Lei estava promulgada naquele momento. “Adianto a vocês que farei um levantamento jurídico-financeiro para tomar ciência da possibilidade de repassar recursos da Câmara Municipal para a prefeitura com o objetivo de auxiliar na compra das câmeras de monitoramento. E aqui, demonstramos, mais uma vez, como fizemos no caso da Santa Casa, que a Câmara Municipal não está alheia às angustias e anseios da nossa comunidade”, declarou o presidente Repolhinho.

No final do encontro ficou definido que, em virtude da viagem do prefeito Alexandre Lindenmeyer, este, seria convidado para participar de uma nova reunião na próxima segunda-feira, às 14h, na Câmara Municipal. E, concluindo, os trabalhadores anunciaram que publicariam edital com anúncio de greve dentro de 72 horas e nova paralisação a partir das 4h da manhã também de segunda-feira.

06.05.16





WD House

Câmara Municipal do Rio Grande - Rua General Vitorino, 441 - Centro - CEP: 96200-310 -Telefone: (53) 3233 8500